quinta-feira, 16 de junho de 2011

Bebê sentado, e agora?

Separei algumas dicas do livro da Doula Fadynha, Yoga para Gestantes, sobre como ajudar o bebê a virar dentro da barriga para ficar na posição que chamamos de cefálica, ou seja, de cabeça para baixo. Até a 34ª semana, o bebê pode ficar em qualquer posição dentro da barriga da mãe, porém, após esse período, 90% dos bebês expontaneamente adquirem a posição cefálica. Mesmo que as pessoas acreditem ser mais difícil o bebê virar no final da gravidez devido a falta de espaço, o bebê pode virar sim, inclusive durante o trabalho de parto, então, não precisa agendar a cesária por causa disso, tá?
A Fadynha conta no livro que existem terapias naturais que podem dar bons resultados, como a homeopatia, florais, cromoterapia e moxabustão. Outra dica que ela dá é de colocar um calço nos pés da cama para a gestante ficar com os pés mais elevados que a cabeça, isso ajudaria o bebê a ganhar mais espaço para virar. Ainda segundo a autora, é importante que a mãe acredite que o bebê pode virar e converse com o bebê a respeito da importância dele ir para a posição correta, mentalizá-lo na posição. Não comentar com as pessoas para se manter longe dos palpites e comentários negativos ajudam a manter a confiança e a lidar com a ansiedade.
Outra opção é procurar um profissional que realize um procedimento chamado "versão externa". Pode tentar colocar uma bolsa de gelo onde a cabeça do bebê está e compressas quentes no pé da barriga, assim, o bebê pode procurar o lugar quentinho e virar.
É importante se conectar com o seu bebê e com o seu corpo para sentir a movimentação quando o bebê virar para parar de fazer os exercícios e não correr o risco dele voltar a sentar. Caso tenha dúvida, um profissional poderá verificar a posição do bebê através da apalpação ou ultrassom.
Vamos os exercícios:

1º Fique de cócoras com a palma das mãos à sua frente. Levante o quadril mantendo as mãos no chão e os joelhos um pouco dobrados. Caminhe nessa posição e pare antes de se cansar ou sentir qualquer desconforto. Pode ser feito a qualquer momento do dia, quantas vezes você quiser, só não pode fazer de estômago cheio.

2º Deite-se com as nádegas próximas à parede, coloque almofadas embaixo do quadril ou o apoie com as mãos para ele ficar elevado, ponha os pés na parede e dê passos na parede até esticar as pernas completamente. Pode ficar nessa posição o tempo que se sentir confortável, novamente, pode ser feito quantas vezes por dia você desejar e nunca com estômago cheio. Ao terminar, a Fadynha orienta as gestantes a realizarem um exercício de compensação, para aliviar o peso da coluna: deitada de barriga pra cima, apoie os cotovelos no chão, eleve o tronco e tombe a cabeça para trás, encostando o topo no chão. Tire os cotovelos do chão e posicione as mãos sobre o peito. Para sair da posição, apoie os cotovelos no chão novamente e volte a cabeça a posição normal.

A parteira Naoli Vinaver esteve no Brasil há alguns anos e ensinou outros exercicios legais:

1º Coloque algumas almofadas no chão, deite-se sobre elas e coloque a cabeça no chão, assim, seu quadril ficara elevado.

2º Ao contrário, deite-se de barriga pra cima com o quadri sobre as almofadas e a cabeça no chão, assim, o quadril também fica elevado.

3º Caminhe de quatro apoios.

Caso a sua doula tenha um Rebozo, ela poderá realizar outros exercícios com ele.

É possível que um bebê que permaneceu na posição pélvica nasça de parto normal, porém, é difícil encontrar, no Brasil atualmente, um profissional que tenha experiência e segurança suficiente para acompanhar um parto nessas condições. Embora na época das nossas avós as parteiras o fizessem sem pânico.

7 comentários:

  1. Muito bom! Já conhecia essas técnicas e certamente são de grande valia! :)

    ResponderExcluir
  2. Que show Pris!! Amei as dicas, posso compartilhar, coloco teu blog direitinho?

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Pri ! tbm creio que pode mudar afinal ela não para kkk

    ResponderExcluir
  4. Que ótimo artigo! Sou tentante, e minha maior preocupação, antes de tudo, e ter que passar por cesárea! Gostei demais, me instruiu bastante esse post! Quero esse livrinho para mim! ;)

    beijinhos e boa semana a todas!
    Blog Variedades & Afinidades

    ResponderExcluir
  5. Muito legal essas dicas! Estou com quase 32 semanas e o meu bb está sentado. Queria muito que ele virasse pra tentar o PN.
    Vou começar com os exercícios ainda hoje.
    Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  6. olá,gostei mto das dicas,estou com 39 semanas e meu bebe ainda está sentado ele está na mesma posiçao a gestação inteira. tenho medo da cesarea pois é meu primeiro filho. bjinhos!!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...